quinta-feira, 22 de junho de 2017

Um dia - Livro, filme e uma apaixonante história





Eu me lembro muito bem de ter os meus 16 anos, andando pelo metrô de São Paulo, quando avistei um cartas com um casal se beijando em uma rua de uma cidade de Londres, me lembro de reconhecer aquele casal. Eram Anne Hathaway e Jim Sturgess, atores de Hollywood. Me lembro também que aquela propaganda não era sobre nenhum filme em especial, mas sim sobre um livro (que obviamente viraria um filme). "Vinte anos, duas pessoas. 'Um Dia'" era isso que dizia o cartaz. Me lembro de ficar curiosa e de entrar na livraria do shopping do metrô e sair de lá com esse livro na mão. Foi no ônibus, na volta para casa, que conheci Emma Morley e Dexter Mayhew, duas pessoas que "em vinte anos" me ensinariam coisas sobre a vida que eu nunca mais iria esquecer.
Um Dia é um livro do autor David Nicholls, que conta a história de Emma e Dexter dois opostos que se conhecem na noite de formatura e passam a noite juntos, eu quero dizer, eles literalmente só passam mesmo. Existe um clichê, Emma sempre teve uma queda por Dexter, mas acabou não rolando naquela noite e eles acabam apenas amigos, mas é isso que torna tudo muito mais interessante. Emma e Dexter são completamente diferentes um do outro e isso faz a reviravolta desse clichê para uma história que nos mostra que nunca é tarde para recomeçar e aquilo que desejamos pode estar bem ali na nossa frente.


Bem, no dia 15 de Julho, dia em que se conhecera é dia de São Swithin, um santo de uma escola que Dexter frequentou e existe um poema que diz que se chover no dia de São Swithin o que aconteceu naquele dia vai prevalecer. Essa é a grande jogada, e é Genial! A história se passa em vinte anos e, sempre é contada no dia 15 de Julho. Apesar de Dexter e Emma tomarem rumos completamente diferentes eles seguem a vida como melhores amigos e em cada ano é contado o dia 15 de Julho de cada um e como anda a vida deles.


Dexter Mayhew

Dexter é o típico cara popular, fica com todas as meninas e leva as coisas no rumo que tomam. Ele nunca se preocupou muito com o seu futuro, na verdade ele está mais perdido do que despreocupado. Dexter é um cara que vem de família rica, tem bons relacionamentos e é mimado pela mãe. A característica mais marcante de Dexter é seu charme e sua incrível habilidade de ficar com muitas, mas muitas mesmo, garotas diferente. Em toda a história, ele nunca se encontra solteiro.
Mas não é apenas isso que faz de Dexter quem ele é. Dexter também é gentil e sente algo muito forte por Emma, mas, como ele mesmo disse "ele quer todas", então nunca se declarou para sua melhor amiga. 
Nosso galã trabalha na televisão e vai de apresentador ruim a apresentador ruim e viciado em álcool e drogas, mas é claro que ele não se deixa abalar só nessa fase. Tudo isso tem a ver com o fato de ele estar perdido e o caso de sua mãe (leiam o livro). Dexter nos surpreende a cada capítulo (dia 15 de Julho) e se transforma no homem que todas as mulheres querem, mas é claro que ele já tem dona!



Emma Morley

Nossa Emma Morley poderia ser o mais típico clichê de romances que nós vemos por aí todos os dias, mas ela não é! Emma Morley quer ser uma grande escritora, porém, se vê empacada por medo de ser quem ela realmente é. Como eu já disse antes, Emma tem uma queda por Dexter, e ela continua apaixonada pelo melhor amigo durante toda a sua vida, mas é claro que ela não se joga nas garras dele. Na verdade ela tem um carinho muito grande por Dexter, mas não quer se magoar, então mantém o relacionamento deles apenas uma grande amizade. É claro que isso não a impede de se magoar, Emma passa por muitas coisas em toda sua vida, presa em um relacionamento com um homem que ela não ama, trabalhando em um lugar que ela odeia e, quando finalmente encontra algo que poderia alegrá-la um pouco se vê fazendo algo imoral e que não a faz melhor do que julga Dexter de ser. Isso é só uma parte do que nossa Emma é, ela é muit mais do que a garota clichê que tem um sonho, ela é o porto seguro do nosso Dexter e nos mostra que a vida é mais do que apenas sonhar, ela nos faz lembrar que existem contas a serem pagas e que temos que tomar conta de nossas próprias vidas e isso nem sempre pode ser acompanhado por um grande sonho.


O livro e o filme

Nós sabemos que os filmes que são originados de livros nunca ficam iguais as obras literárias, não foi diferente com este trabalho. Mas eu achei muito interessante a forma como eles colocaram as cartas na mesa. Por se tratar de um estilo de filme mais independente, foi maravilhoso como eles mostraram a diferença na vida de Dexter e Emma, como a amizade deles era forte e como tomaram cuidado com o detalhe da personalidade dos dois. Fiquei um pouco insatisfeita com alguns episódios que poderiam ter sido inseridos no roteiro, mesmo que sorrateiramente. Ian, o namorado de Emma, foi bem trabalhado também, mas Sylvie, a esposa de Dexter (sim, ele chega a se casar... mas leiam o livro, não vou dar mais spoilers do que isso), não é bem desenvolvida como deveria ter sido, no filme, apenas ficamos sabendo de suas características principais e apenas isso. O Prólogo do livro também não foi bem desenvolvido, talvez para não prejudicar a imagem do casal romântico que protagoniza a história, mas "Um dia" é um livro considerado auto-ajuda, então ele mostra aspectos reais da vida das pessoas, como o fato de que "a vida continua para todos", independentemente do que aconteça. Mas, como isso é Hollywood, pode ser perdoado, mas não esquecido. Por isso acho tão importante tanto lermos o livro, quanto assistirmos o filme, especialmente nesta obra.

Duas pessoas, vinte anos

Uma das coisas que eu mais gostei foi essa transição de vinte anos. Nós praticamente vemos os personagens envelhecer e amadurecer, desde o dia 15 de Julho de 1988 até o dia 15 de Julho de 2008. Tem também toda a evolução da era, esse período foi de uma grande mudança na era digital e nossos personagens presenciam essa mudança, é claro que esse não é o foco, mas é perceptível. O fato de cada capítulo ser correspondente ao dia 15 de Julho de cada ano só nos faz perceber o quanto em um ano as coisas podem mudar tanto, eu com certeza agora dou mais valor a cada ano da minha vida, pois eu sei que ele é importante, tanto quanto o que eu faço e as decisões que eu tomo neste ano. Tais decisões essas que não só podem, como vão impactar na minha vida.

David Nicholls nos presenteou com essa belíssima história, a qual eu fico muito lisonjeada de poder ter conhecido e agradecida por ter tido a oportunidade de conhecer. A narrativa do autor é envolvente e não nos deixa perder um detalhe sequer da história, além de só nos fazer querer mais e mais conforme mergulhamos nesta maravilhosa obra! Eu digo a todos vocês que leiam este livro e que assistam a esse filme, vocês não vão se arrepender!!

quarta-feira, 21 de junho de 2017

Cronica de Música (Photograph - Ed. Sheeran)

Hello Guys!! Estou aqui com mais uma crônica para vocês. estou gostando muito de escrever essas crônicas, elas me fazem viajar para lugares e conhecer personagens que eu jamais pensei que existiriam em minha imaginação. Além de ser muito divertido, eu sempre ouço músicas novas, então imagino mais e mais personagens, mas eu nunca consigo escrever tudo de uma vez (risos).

Bom, sem mais enrolações, vamos lá. (Eu que desenhei a arte deste)!




     - Você vai mesmo me abandonar?
    - Aqui... - tira uma fotografia deles. - Agora você me tem para sempre com você!

(...)

    Amor dói as vezes, dói tanto que temos vontade de arrancar o coração do peito. O nosso amor doeu mais do que todos os outros, mas essa é a única coisa que eu sei. Quando tudo fica difícil e, você sabe, pode ficar difícil as vezes, amor é a única coisa que nos faz sentir vivos. Naquele dia, quando eu tirei aquela nossa fotografia, não imaginei o quão difícil seria a nossa jornada, não imaginei todos os desafios que teríamos e, com certeza, não imaginei que o amor poderia doer desta forma. Todas as minhas idas e vindas foram mais do que o suficiente para me deixar saber que o amor dói quando tentamos amenizá-lo, por isso eu não vou mais fazê-lo. Nós mantemos esse amor nessa fotografia, nós fizemos essa memória para nós mesmos. É por isso que hoje, nesse trem, eu estou voltando para você. Para onde nossos olhos nunca se fecham, nossos corações nunca estiveram partidos e o tempo estará congelado para sempre.

    Então você pode me guardar nessa fotografia, dentro do bolso do seu jeans rasgado, me abraçando até que nossos olhos se encontrem, assim você nunca estará sozinha. Me espere voltar para casa!

     Amar também nos cura, você sabe. Amar pode remendar os pedaços de nossa alma, eu juro para você que vai ficar mais fácil. Essa é a única coisa que levamos conosco quando morremos. De onde eu venho, as coisas são velhas e memoráveis, então estou voltando para ficar congelado no tempo com você. Você se lembra daquela promessa? Me espere ir para casa, mas não rasgue essa fotografia, ela é a prova do nosso amor. Eu ainda me lembro do primeiro dia, me lembro das rosas no seu chapéu, me lembro das lentes na sua mãe e de todo aquele cenário opaco que você montou, seu apartamento, porém, nunca pareceu mais aconchegante, a menos quando nós estivemos nele pelas vezes seguintes. Eu sabia que me apaixonaria por você, eu sabia quando você me olhou através daquelas lentes e eu senti o seu amor naquele minuto.
O amor é um sentimento egoísta, mas eu nunca me arrependi de ser egoísta em relação a você, mesmo com todos os desafios que eu sabia que enfrentaria, eu nunca quis ser mais do que o melhor para você. Eu nunca te abandonei, mas você sabia que eu precisava voar sozinho por um tempo, do contrário eu morreria ao seu lado sendo apenas suficiente. Aquela fotografia me guarda com você para sempre, o tempo já não é mais nosso inimigos, estamos vencendo os últimos trinta minutos, esse é o tempo que levarei da estação até a sua casa, até o nosso ninho.
     Nós mantemos esse amor nessa fotografia, nós fizemos essa memória para nós mesmos. É por isso que hoje, nesse trem, eu estou voltando para você. Para onde nossos olhos nunca se fecham, nossos corações nunca estiveram partidos e o tempo estará congelado para sempre.

     Então você pode me guardar nessa fotografia, dentro do bolso do seu jeans rasgado, me abraçando até que nossos olhos se encontrem, assim você nunca estará sozinha. Me espere voltar para casa!

     E se você me espancar, me machucar ou até mesmo me magoar, está tudo bem querida, eu entendo. Apenas palavras sangram, eu não tenho essa característica, pois dentro das páginas desse book você me abraça e seu amor me cura instantaneamente. Eu nunca vou te deixar ir sozinha, me espere voltar para casa. Você poderia até me colocar dentro daquele colar que você ganhou quando tinha dezesseis anos, bem perto das batidas do seu coração, onde eu sempre deveria estar. Eu quero que você mantenha isso bem no fundo de sua alma. E, mais uma vez, se você me espancar, me machucar ou até mesmo me magoar, está tudo bem querida, eu entendo. Apenas palavras sangram, eu não tenho essa característica, pois eu já disse: dentro das páginas desse book você me abraça e seu amor me cura instantaneamente. Quando eu estiver longe, me lembrarei daquele beijo que você me deu, tão inesperadamente, embaixo do poste de luz na rua 6, sempre escutarei você sussurrar no telefone, então me espere voltar para casa.





sexta-feira, 16 de junho de 2017

Percam a vergonha de falar Inglês (Gavin tips)

Hey galera!

Eu nunca havia falado dele aqui, mas hoje é o dia. Conheçam o Gavin, o responsável pela minha grande melhora em falar Inglês. Ele é um norte americano de Denver, Colorado, que aprendeu a falar Português sozinho e ama os brasileiros (nós também te amamos, Gavin). Gavin tem um canal no Youtube e se dedica a ser professor de Inglês, ele da várias e várias dicas e nos mostra como aprender Inglês falando sobre o caminho inverso (como ele aprendeu Português), além disso é um cara super bacana e gente boa!

A partir de hoje, eu vou sempre colocar alguns vídeos dele aqui e comentar um pouco de como eu usei esse vídeo para melhorar o meu Inglês, então você podem juntar as duas coisas, mais as outras coisas que eu já havia falado aqui e melhorar cada vez mais!!

O vídeo de hoje ajudou (e muito) a me motivar cada vez mais. Todos nós temos essa vergonha de falar Inglês com um nativo, mas eu lhes digo e isso é regra, se você não falar essa vergonha nunca vai desaparecer e vai chegar um ponto em que você vai perder oportunidades na sua vida por causa disso.


Vamos ao vídeo:




Sigam esses passos, eu segui e isso me ajudou muito!!


terça-feira, 13 de junho de 2017

Saiu o trailer de Life is Strage 2


Oi gente!! Eu sei que estou um pouco sumida, mas estou colocando minha vida nos eixos, logo eu volto definitivamente.

Hoje eu vim falar de uma coisa que eu estava muito ansiosa e que me surpreendeu TOTALMENTE.
Há dois dias atrás saiu o trailer de Life is Strage 2 - Before the Storm. Os produtores já haviam nos informado que o jogo ainda sairia este ano, mas não nos deram nenhuma outra informação sobre. E nesse trailer, tudo é revelado!

Desta vez, a protagonista será Chloe, definitivamente vamos ver a história do ponto de vista dela, e voltaremos ao passado, antes do tornado. Era uma coisa que todos que jogaram o primeiro LiS gostariam muito de saber, por que aconteceram essas coisas com Chloe e qual era a real ligação dela com a Rachel, claro que sabíamos que elas eram muito amigas e que, com a ausência de Maxine e a morte do pai de Chloe, Rachel preencheu um importante espaço na vida de Chloe.

Mas ainda ficaram perguntas sem serem respondida e, ao que tudo indica, teremos essas perguntas respondidas a partir do dia 31 de Agosto, que é quando sai o primeiro episódio de três que virão. No trailer não temos nenhuma menção do professor, mas ele provavelmente irá aparecer em algum ponto, pois sabemos que foi ele quem matou a Rachel. O jogo tem previsão para sair nas plataformas Playstation 4, X Box One X e PC.

Desta vez, não teremos a viagem no tempo e nem os poderes de Max envolvidos, ao que parece, pois o jogo se passa na visão de Chloe e ela não possui tais poderes, ao que se entende será mais uma história contada do que algo que interaja com o tempo como no primeiro Life is Strange. Isso é uma novidade, mas não parece que vai interferir em quão incrível essa série é.

Eu estou mais do que ansiosa para o final de agosto, Life is Strange é um jogo que me cativou de verdade e, com certeza, vai cativar a quem jogar.


Trailer




Um ótimo dia começa com uma ótima playlist!

Olá galera!! Hoje eu vim aqui para mostrar algumas musicas que MUDAM o meu dia. Todos nós gostamos de acordar e já sentir aquela boa en...